Home > willeglau

willeglau willeglau

#EuEscolhiDesistir

04 de Novembro de 2015

Depois de algum tempo, resolvi escrever de novo no blog. Por quê? Porque simplesmente não tinha mais nada pra dizer depois do empate com o Grêmio. E depois da derrota para o Flu, continuo sem palavras para descrever esse momento.

No fim do primeiro turno, eu já havia me conformado com a queda. Com um time que já começava entregue nas partidas, não dava pra acreditar em salvação. Mas o time fez o favor de aumentar o nosso sofrimento dando pintas de que era possível se salvar desse vergonhoso terceiro rebaixamento e depois voltar à triste realidade. As chances realmente existiram, e foram muitas. Erros de arbitragem, bolas que teimam em não entrar e, por fim, o fator chave desse momento: A incompetência de nossa diretoria e a indecisão de nosso treinador. Assim, as 9 partidas sem perder viraram 5 partidas sem vencer, e a queda será consumada nas próximas rodadas.

Não adianta vir com discurso, com promessas, com sonhos; No fim, não passarão disso. Respeito a opinião de quem discordar de mim. Se você ainda acredita, então está de parabéns, você é guerreiro. Gostaria de ser como você, que mesmo depois de acreditar na salvação em 2008, sofrer na Batalha de Joinville tendo Cris na zaga e Alessandro no gol e ver o time sendo rebaixado e humilhado em 2013 e bater todos os recordes negativos no campeonato desse ano ainda continua depositando esperança nesse time. Eu simplesmente não consigo. Será que só eu que percebi que Andrezinho e Nenê não podem jogar juntos? Que desde que Andrezinho e Nenê começaram a jogar juntos o Vasco se arrastou em campo? Que Julio dos Santos é meia, e não volante? Que o time morre no segundo tempo? Claro que não, todos vocês devem ter percebido o mesmo. Menos o nosso técnico, que pelo visto achava que empates em jogos que estavam ganhos eram bons resultados e ainda mantinha o mesmo time. Menos a nossa diretoria, que por meras bravatas e briguinhas com o FluminenC decidiu levar o jogo para aquele chiqueiro chamado Engenhão. Parabéns, a torcida ficou do lado direito do estádio, enquanto o futebol do Vasco ficava do lado de fora. Parabéns, enquanto o charuteiro acusa o tal vice da CBF de complô com a arbitragem enquanto o time que ele contratou se arrasta nos jogos e sequer sabe chutar ao gol.

Então, se você ainda acredita, então é porque você é melhor do que eu. Eu escolhi desistir, não do Vasco, mas desse Vasco. Ano que vem, estarei torcendo às terças, sextas e sábados como sempre fiz nas épocas tenebrosas de série B. Mas esse ano não dá mais. Chega. Paciência tem limite e a minha acabou. E que essas najas que cuidam do Vasco hoje tenham a hombridade de reconhecer que erraram e façam tudo diferente no ano que vem, porque a incompetência também tem limites. E quando esse limite chegar, o Vasco acaba.

Compartilhe

Mais comentadas