Home > wilsoncarlosfua

ECON. WILSON CARLOS FUAH ECON. WILSON CARLOS FUAH
Foto: ARQUIVO PESSOAL

              ATÉ QUANDO TEREMOS QUE AGUENTAR O EURICO

          Todos os torcedores do Vasco já sabiam que técnico Cristóvão não daria certo, mas o Presidente Bi - rebaixado, ditador por excelência, e não aceita qualquer opinião, e com isso a história se repete.

           Veja como o Vasco está sendo administrado, e se não houve resistência e preparar um grande projeto de mudança para transformar a administração do Clube,  com certeza o pior avançará a cada ano, pois o “gosto pelo poder” exercido pelo atual  Presidente, nunca aceitará observar a crise de resultado que o Clube passa e se nega a ouvir aos outros, pois entende que assim procedendo, sentirá diminuído em seu poder.  

           Infelizmente teremos que esperar por novas eleições para que o Vasco volte a ser um Clube dos Sócios e de todos os torcedores espalhados pelo Brasil, pois o Vasco é muito grande para estar nas mãos de uma pessoa só.

         Foi assim nos dois últimos rebaixamentos nas mãos do atual Presidente, e para iludir os torcedores desavisados, dizia assim: “Comigo o Vasco não cai, se cair, eu mudo para Sibéria”.

         Hoje diante de uma crise de credibilidade, o Vasco está lutando para não perder para o pior time do 1º turno do Campeonato Carioca/17, e esse cidadão, ainda vem a público e diz: “Comigo o Vasco vai para as Cabeças, isso eu garanto.”

      E a história se repete, veja que esse Presidente de Plantão contratou o treinador Celso Roth por 02 meses e em 11 partidas do Brasileiro/15, teve 03 vitórias, 01 empate e 07 derrotas,  e o mesmo ditador de hoje  dizia: “Eu confio no Roth”, e a torcida passou a pressionar em  todos os jogos, com o grito: “Burro, Burro, Burro,  fora Roth, fora Roth, fora Roth”. E, hoje como ontem, nada mudou na administração do Vasco, pois o mesmo ditador está no comando, e diz: o Cristóvão tem a minha confiança, e os gritos se repetem: “Burro, Burro, Burro, fora Cristóvão, fora Cristóvão, fora Cristóvão”.

        Vejam que não é mera coincidência a senilidade em  todos os ditadores, pois  têm em comum um perfil de personalidade marcada pelo narcisismo e com atos de paranoias constantes, e principalmente por decidir por atos de  autoritarismos.

         E, diante do poder se torna cego sobre qualquer possibilidade de mudanças, com demonstração constante de impulsividade e egoísmo, sendo arredio a qualquer método de ações coletivas e modernização futura.

         Até quando os 17.000.000 de torcedores do Clube de Regatas Vasco da Gama, terá que aguentar esse Sr.  Eurico Miranda com  demonstrações de falta de inteligência e bom senso?

           Até quando nós torcedores do Vasco teremos que ver o Clube se afundando em crise de credibilidade e sofrendo a cada jogo sem poder fazer nada, pois só um homem manda e desmanda no Vasco, enfrentando a tudo e a todos com poder absoluto.

         

Economista Wilson Carlos Fuáh – É Especialista em   Recursos Humanos e Relações Sociais e Políticas, e apaixonado pelo VASCO.

Fale com o Autor: [email protected]         


Compartilhe

Mais comentadas