Home > marcosaraceni

MARCO SARACENI MARCO SARACENI

Técnico Interino

15 de Agosto de 2018

Prezados...

Faço a seguinte pergunta:

Quem de vocês iria parar numa mesa de cirúrgia com um recém formado?

Um recém formado precisa pegar experiência, fazer residência, ir trabalhar em ambulatórios, servir a outros médicos experiêntes e somente após um longo tempo de trabalho como estagiário é que irá se canditadar a fazer uma cirúrgia sem depender de uma ajuda direta. Isso se chama preparação, adquirir experiência.

O que estão querendo fazer com o Valdir é coloca-lo como técncio efetivo para comandar um time, achando que ele será o salvador da pátria do Vasco.

Caramba... que experiência ele têm?

Jogou no Vasco e não foi um grande jogador...

Ele trabalhou em algum time da série C, B ou A?

Quantos times ele dirigiu?

Você querer que um recém formado pegue uma responsabilidade dessas é coisa de louco. Não sei o que se passa na cabeça dos dirigentes querendo que essa responsabilidade venha a cair no colo de um novato. Lembre-se do Cristovão Borges?

Se é mais viável ter um técnico barato, pegue o técnico do sub-20 e transfere o Valdir para o lá. Não tenho nada contra o Valdir, mas não é o técnico que vá solucionar os problemas internos do Vasco.

Precisamos de um técnico que rompa com os medalhões que existem dentro dos times, que tire o dedo dos emprasários, dos dirigentes ou de qualquer um que queira mandar dentro das quatro linhas. 

Cobrar dos jogadores mais profissionalismo, ética e amor a instituição.

O nome já diz "Técnico Interino" é aquele que irá passar o bastão para o Técnico contratado e oficializado pelo Presidente do Clube. Se o mesmo vier a contratar um técnico interino, é responsabilidade dele. No final terá que justificar a torcida o motivo da sua experiência. Acredito que a instituição Vasco da Gama, não é laboratório.

Observação: Títulos

Ricardo Gomes: Copa Brasil 2011

Dorival Junior : Carioca 2015

Jorginho: Carioca 2016 - Taça Guanabara 2016 

Milton Mendes: Taça Rio 2017

Se formos pegar os técnicos de 2010 pra cá e comparar com os títulos ganhos, foi muito pouco. Isso levar a crer que não foi culpa do técnico e sim dos jogadores que não lutaram o suficiente para elevar essa estatistica, e isso é preocupante.

Não somos laboratório para "TESTE".

Pense nisso!

Compartilhe